• Home
  • /Notícias
  • /Escolas Transformadoras inicia jornada de educação em parceria com a Secretaria da Educação da Bahia
#encontros
Escolas Transformadoras inicia jornada de educação em parceria com a Secretaria da Educação da Bahia

Escolas Transformadoras inicia jornada de educação em parceria com a Secretaria da Educação da Bahia

Compartilhe

“Essa parceria que a gente faz vem em boa hora”, disse o secretário de Educação do estado, Walter Pinheiro, na cerimônia de abertura da jornada de educação realizada pelo programa Escolas Transformadoras

Por Fernanda Peixoto
Fotos: Raquel Franzim, Fernanda Peixoto, Gabriel Limaverde, Flávia Bahiense e Claudionor Jr.

Nesta terça-feira, dia 19, foi iniciada a jornada “Educação transformadora nos territórios de identidade da Bahia”, uma iniciativa do programa Escolas Transformadoras realizada junto à Secretaria da Educação do Estado da Bahia – Superintendência de Educação Profissional Técnica.

Os encontros, que acontecem até quinta-feira, dia 21 no Instituto Anísio Teixeira, em Salvador (BA), irão discutir o processo de ensino-aprendizagem na Educação Profissional do Estado, bem como trazer conceitos de educação transformadora, inovação pedagógica e competências transformadoras, como empatia, protagonismo, trabalho em equipe e criatividade. A jornada tem como público-alvo técnicos da Secretaria da Educação, coordenadores pedagógicos e outros representantes dos 27 núcleos territoriais de educação do Estado.

Na cerimônia de abertura do evento, o secretário de Educação da Bahia, Walter Pinheiro, falou sobre a importância dessa parceria com o programa Escolas Transformadoras, cuja visão de educação transformadora é estimulada no fazer e no aprender de escolas de ensino técnico. “Essa parceria que a gente faz agora vem em boa hora, no sentido de nos trazer a técnica. A nossa expectativa é que com essa boa mistura, que já acontece no mundo, aliada ao conteúdo que está cada vez mais inseridos em nossos centros profissionalizantes, com certeza, vamos entregar uma escola com competência muito maior para formar cidadãos, para inserir na sociedade novos conceitos e de promover transformações consubstanciais”, afirmou.

O secretário insistiu que é preciso trazer uma formação mais humanizada e transformadora aos professores, diretores e coordenadores pedagógicos que atuam na Educação Profissional. “O governo não deve transformar a Educação Profissional numa etapa em que se forma meros apertadores de botões, ou o estudante em uma máquina. Isso gera, obviamente, distorções. A Educação Profissional tem que ser associada ao contexto de uma educação cidadã, formar cada jovem dentro de seu identidade, da sua realidade. A gente precisa de mais humanidade nas escolas.”

Esta é a primeira etapa da jornada no Estado da Bahia, que será dividida em três. No próximo encontro, realizado entre os dias 26 e 28 de setembro, coordenadores pedagógicos do Estado farão uma imersão em escolas transformadoras de Educação Profissional que fazem parte do programa: Escola Estadual de Educação Profissional Alan Pinho Tabosa, no Ceará; Instituto Federal do Paraná – Campus Jacarezinho; e Serviço de Tecnologia Alternativa (SERTA), em Pernambuco.

Confira as fotos da primeira etapa da jornada:


1ª Jornada Transformadora

Comentários

X