• Home
  • /Notícias
  • /“A gente acredita na capacidade de cada educando de ser protagonista, sujeito de sua própria evolução”
#lançamento
“A gente acredita na capacidade de cada educando de ser protagonista, sujeito de sua própria evolução”

“A gente acredita na capacidade de cada educando de ser protagonista, sujeito de sua própria evolução”

Compartilhe

Programa Escolas Transformadoras lança segunda publicação digital gratuita sobre competências essenciais para uma educação transformadora

Por Raquel Franzim

Não apenas assistir, e sim ser agente junto com outras pessoas das mudanças necessárias no mundo.

Esse é um dos pontos de partida do projeto político-pedagógico do SERTA, em Pernambuco. Começo de um percurso de vida e luta de Abdalaziz de Moura, educador da escola e um dos autores da publicação digital “Protagonismo – a potência de ação da comunidade escolar”, lançada nesta sexta-feira, 16 de junho, na III CONANE (Conferência Nacional de Alternativas para uma nova Educação), em Brasília.

A publicação faz parte de uma série construída coletivamente com a comunidade ativadora do Programa. Também é fruto de rodas de debate e aprofundamento sobre valores como empatia (lançada em 2016), protagonismo, criatividade e trabalho em equipe na educação contemporânea.

Antonio Lovato, coordenador do Programa Escolas Transformadoras – iniciativa da Ashoka que, no Brasil, é correalizada pelo Instituto Alana –, iniciou a conversa, transmitida ao vivo pelo Facebook. Para ele, a publicação marca a nova fase do programa em que se dá a “importância de circular conhecimentos sobre competências essenciais na formação de sujeitos engajados com os processos de mudança” e, assim, criar demandas por uma educação transformadora em nossa sociedade.

Identificada por uma visão que toda criança, jovem e adulto pode ser um sujeito de transformação, a publicação reúne diferentes vozes dos que atuam nas escolas, como também de pensadores de educação, empreendedores sociais e jornalistas. Catarina Bessel delicadamente ilustrou os artigos.

Frente a um cenário complexo e de injustiças sociais, o protagonismo é uma das ferramentas capazes de revelar as potências de reflexão, ação e transformação das realidades por toda comunidade escolar.

Ao longo dos três dias da CONANE, 400 educadores do Brasil e de 12 países debateram e refletiram sobre inovação em educação, fortalecimento de projetos de educação emancipadora, políticas públicas e autonomia das escolas. Inovação e sustentabilidade foram os temas geradores da programação da Conferência, que também reuniu experiências de escolas da América Latina.

Educação como compromisso com a liberdade é, para Abdalaziz de Moura e todos os autores e autoras da publicação, não apenas um discurso. É algo que se constrói com os estudantes, e não apenas para eles. Conheça essa e outras inspirações na nova publicação do Programa!

Você pode acessar a publicação ‘Protagonismo – a potência de ação da comunidade escolar’ nos links:
PORTUGUÊS | ESPANHOL | INGLÊS

Assista também à transmissão do lançamento da publicação clicando aqui.

 

Comentários